Mais diálogo: Volta Redonda convida população para participar da Revisão do Plano Diretor

Mais diálogo: Volta Redonda convida população para participar da Revisão do Plano Diretor

O plano visa assegurar melhores condições de vida para a população do município

 

 

A prefeitura de Volta Redonda, através do IPPU (Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano), vai começar dia 11 de outubro, na Câmara Municipal de Volta Redonda, a revisão do Plano Diretor do município, em audiência pública. O evento, denominado Revisão do Plano Diretor Participativo de Desenvolvimento Urbano, visa debater com a sociedade melhorias na lei, que é uma ferramenta que dá as diretrizes para o desenvolvimento urbano da cidade. Em Volta Redonda, o Plano foi feito em 2008 e conforme o Estatuto da Cidade ele deve ser revisto a cada 10 anos.

 

Como a legislação urbana de Volta Redonda é muito antiga, essa revisão será feita em duas etapasreformulação das leis urbanistas e reformulação do plano e apresentação do mesmo.  “Na primeira etapa será feita a revisão de quatro leis urbanas, que são: A lei de parcelamento do Solo, que fala sobre desmembramento e novos loteamentos; A Lei do Código de Obras, que disciplina as novas construções no município; além de fazer o macrozoneamento e a lei de Uso do Solo, que é uma lei importante também para o desenvolvimento econômico do município. Ela que define o que pode ser feito em cada lugar, dependendo da zona em que se situa”, explicou a diretora-presidente do IPPU, Maria Ilma de Andrade Silva.

 

Já na segunda etapa será realizada a revisão Plano Diretor com base do que foi feito na primeira fase. “A primeira audiência pública, que vai ser feita dia 11 de outubro, também será uma capacitação, onde a gente vai explicar para a população o que é o Plano Diretor”, contou Maria Ilma. Depois haverá uma segunda audiência pública, onde será apresentado um diagnóstico com o que foi levantado em toda a cidade, por meio de reuniões com a população e análises técnicas. Em uma terceira audiência serão colocadas as propostas que foram discutidas a partir do diagnóstico feito.  E na última audiência pública o plano revisado será apresentado.

 

“É importante que população participe das audiências públicas. O diálogo é uma das premissas do nosso governo. Queremos construir o futuro da cidade com vocês. As diretrizes de uma cidade e o que o prefeito executa, nasce do Plano Diretor. É essencial a participação de todos”, reforçou o prefeito Samuca Silva.

 

Além das audiências públicas, também acontecerão oficinas e reuniões temáticas. O processo de revisão do Plano Diretor deve durar até o final de 2018 e será feito em parceria com a população e entidades do município.  

 

Por Ana Maria Mansur / Secom VR

Prefeitura Municipal de Volta Redonda | Praça Sávio Gama, nº 53 - Aterrado | CEP: 27215-620 | Tel: (24) 3345-4444