Fundação Beatriz Gama participa de curso na Fiocruz

Fundação Beatriz Gama participa de curso na Fiocruz 

Proteção Integral e Garantia de Direitos foram os temas abordados  

 

A Fundação Beatriz Gama de Volta Redonda participou nesta segunda-feira, dia 10, do curso “Serviço de Acolhimento para Crianças e Adolescentes: proteção integral e garantia de direitos” oferecido pela Secretaria Nacional de Assistência Social e a Escola Fiocruz de Governo aos colaboradores do Sistema Único de Assistência Social (Suas) que conta com a participação da União, do Distrito Federal, dos estados e dos municípios.

 

O objetivo é construir e disseminar o conhecimento como pilares de mudanças nas práticas de acolhimento de crianças e adolescentes no Brasil.  De acordo com diretora presidente da FBG, Cláudia Dornellas, o curso ajuda a colaborar com os desafios do dia a dia vivenciados pela fundação. 

 

“É uma oportunidade que deve ser aproveitada intensamente. São 25 vagas para profissionais de todo o Brasil, disponibilizada pela instituição de pesquisa de maior credibilidade de todo o país, oferecendo atualização para ações de acolhimento institucional para crianças e adolescentes. A Fundação Beatriz Gama, que já é referência no assunto e vai de avançar, ainda mais,  nas ações e propostas para o atendimento  das crianças e adolescentes acolhidos em Volta Redonda, como também na construção de suas políticas públicas”, disse.

  

As atividades do curso foram realizadas no Campus Universitário Darcy Ribeiro, em Brasília. O serviço é vinculado ao Ministério do Desenvolvimento Social, e abordou uma nova reflexão para os profissionais que trabalha com acolhimento e a legislação aplicada aos serviços de assistência social.  

 

O prefeito Samuca Silva enfatizou a importância da participação da Fundação Beatriz Gama em cursos de capacitação.  “As questões de acolhimento são muito delicadas e quanto mais a FBG se capacitar melhor será para as crianças e adolescentes. Nosso objetivo é sempre atender esses usuários com qualidade e se capacitar para isso é muito importante. O serviço de acolhimento a crianças e adolescentes é muito complexo pois envolve relações humanas e também a presença da justiça”, falou. 

 

 

Por Maria Clara Sales – SecomVR 

Prefeitura Municipal de Volta Redonda | Praça Sávio Gama, nº 53 - Aterrado | CEP: 27215-620 | Tel: (24) 3345-4444