Resultado apareceu no levantamento técnico das ações da CoordJuv em 2021 e é creditado ao trabalho conjunto do governo municipal e sociedade civil

A Coordenadoria da Juventude de Volta Redonda (CoorJuv) fez o levantamento técnico das ações de 2021, durante a última semana do ano, e o resultado apontou que 71,4% do Plano de Governo do prefeito Antônio Francisco Neto para a juventude foi cumprido em um ano. O documento, registrado no Tribunal Eleitoral pelo então candidato a prefeito, apresentava à sociedade as metas a serem alcançadas durante o mandato.

A coordenadora municipal de Juventude, Larissa Garcez, acredita que o alto percentual de ações previstas realizadas foi possível pelo trabalho conjunto entre as secretarias de governo. “Também contamos com o apoio irrestrito do prefeito Neto e a participação contínua dos coletivos e setores da sociedade civil organizada ligados aos jovens”, afirmou.

O levantamento aponta que, dentro do Plano de Governo, boa parte das ações previa o incentivo ao controle social, que é a participação efetiva da sociedade na administração pública, com objetivo de acompanhar e fiscalizar, a fim de solucionar os problemas e assegurar a manutenção dos serviços de atendimento ao cidadão, além da mobilização dos coletivos.

Merecem destaque o protagonismo da CoordJuv como executora do papel técnico na  elaboração e acompanhamento de políticas públicas; a execução da Política Municipal da Juventude, que estava paralisada; a realização da Conferência Municipal de Juventude, que estava atrasada; e a eleição do Conselho Municipal da Juventude, órgão de participação popular e de controle social, que não funcionava.

Larissa lembrou ainda da criação de um programa contínuo de auxílio ao jovem para inserção no mercado de trabalho, que também fazia parte do Plano de Governo. “Proposta concretizada com a inauguração do Centro Oportunizar, com  apenas seis meses de gestão. Vale ressaltar que as ações do Centro Oportunizar já impactaram a vida de mais de 600 jovens”, falou.
 
Cabe destacar, também, que Volta Redonda teve mais de 70 atividades no Mês da Juventude, comemorado em agosto, e sancionou lei que obriga ao município a realização de novas ações no mesmo período em 2022.

Outros pontos, como discussões em conjunto com o Conselho Municipal da Juventude e coletivos sobre o Plano Municipal da Juventude e sobre o Fundo Municipal estão em andamento, assim como a digitalização completa dos atendimentos e ações.

Metas em andamento

O levantamento da CoordJuv apontou ainda que 14,28% do Plano de Governo estarão concluídos ainda em 2022 e outros 28,57% estão na programação de trabalho para os próximos três anos de governo.

Uns dos passos previstos pela CoordJuv para 2022 é realização da primeira pesquisa para juventudes nas comunidades, que será aplicada em parceria com outras  secretarias municipais e universidades do município.

“É importante ressaltar que o importante não é a conclusão das metas previstas no documento apresentado na campanha, e sim, a continuidade dos serviços ofertados à população”, disse Larissa Garcez.

Secom/PMVR
Foto: divulgação