Vacina impede casos graves da doença com surgimento de nova variante. Pessoas que receberam 2ª aplicação até o dia 16 de outubro podem ser imunizadas novamente

A Prefeitura de Volta Redonda, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), tem promovido a campanha de vacinação contra Covid-19. No início dessa semana, o município ampliou o público-alvo para a terceira dose. Pessoas, a partir de 18 anos, que receberam a segunda aplicação até o dia 16 de outubro podem ser vacinadas novamente em todas as 46 unidades básicas de saúde da cidade (UBSs e UBSFs).

O coordenador da Vigilância em Saúde de Volta Redonda, o médico sanitarista Carlos Vasconcellos, destacou que a medida tem como objetivo aumentar a proteção da população diante do novo cenário epidemiológico – o surgimento da variante Ômicron.
“Estamos diante de uma variante circulante altamente transmissível, a Ômicron. Ela já comporta estudos que identificaram a importância do reforço para ampliar a proteção contra as formas mais graves da doença. Em Volta Redonda, estamos oferecendo o reforço para população acima de 18 anos que tomou a 2ª dose até 16/10/2021. Com isso, teremos um contingente da população vacinada com a terceira dose e com menor risco de ocupação de leitos e óbitos por Covid-19”, destacou Vasconcellos.

O médico sanitarista ressaltou ainda sobre a importância de pessoas que tenham imunossupressão, ou que, se expõem com muita intensidade ao vírus, como profissionais de saúde, cuidadores de idosos de fazerem a dose de reforço. “No caso dos imunossuprimidos, esse público deve realizar a 4ª dose que está disponível desde a semana passada no município”, afirmou.

Para receber o reforço, é necessário apresentar a caderneta de vacinação contra Covid-19, CPF ou cartão do SUS, em uma das unidades básicas de saúde.

Primeiras e segundas doses

A primeira dose continua sendo oferecida as pessoas a partir de 12 anos. A segunda dose é aplicada em quem tomou a 1ª dose há mais 21 dias dos imunizantes: AstraZeneca, CoronaVac e Pfizer. A segunda dose da Janssen é aplicada após 2 meses da dose única. O imunizante está disponível em todas as unidades básicas de saúde.

Funcionamento das unidades básicas

As UBSs e UBSFs do município funcionam das 9h às 16h. Algumas unidades têm horário diferenciado: Siderlândia, Jardim Paraíba, Vila Rica/Tiradentes, Açude I, Santo Agostinho e Santa Cruz, que ficam abertas até as 18h. Outras cinco funcionam em horário estendido: Vila Mury, Volta Grande, São Geraldo, São João e 249, até as 21h.
Vale lembrar que doses da vacina CoronaVac estão concentradas nas unidades: 249, São Geraldo, Retiro 2 e Volta Grande.

 

Foto: Cris Oliveira- Secom/PMVR